Caixa Forrada

O problema de ter 100 produtos para pronta entrega é o espaço para armazená-los. Queria comprar algumas caixas para organizar meu estoque, mas são tão caras…

Daí descobri esse vídeo com uma idéia genial:

Peguei 2 caixas de papelão no supermercado do meu bairro, tirei as medidas e calculei a metragem de tecido necessária. Usei tricolines mistas, pois são mais baratas e dependendo do lugar, dá para encontrar estampas bem bonitas.

A tricoline lisa forrou a parte externa da caixa. As laterais do forro são mais compridas do que a altura da caixa, de modo que eu dobro para dentro o excedente para não sair do lugar. Por dentro, não vi necessidade de forrar.

Untitled design

Com a estampada fiz a tampa, que tem um elástico na barra pra ficar bem ajustada. Preguei uma alça na frente, que é mais decorativa do que funcional:

3

Ficou torto, mas tudo bem. O mais legal é que não colei nada, apenas vesti o forro na caixa. Assim, posso retirá-lo para lavar. E a minha arte ficou toda organizada, com um custo de mais ou menos 20 reais.

4

Obrigada pela inspiração, Nill!

Capa para Kindle

Há pouco tempo adquiri um Kindle, o leitor de livros digitais da Amazon.

kindle

Tem sido bastante útil tanto para estudar como para ler livros sem ficar carregando peso por aí. Comecei com Americanah, da Chimamanda Ngozi Adichie, provavelmente a melhor leitura do ano.

americanah

Mas o que interessa é a capa. Aquela vendida pela Amazon é bem salgada e as versões xing-ling tem o inconveniente de demorarem demais a chegar pelo correio, quando não são extraviadas.

Improvisei a minha assim: tricoline no forro e um retalho de calça jeans para a parte externa. Há, entre eles, um recorte de papelão de cada lado, que dá estrutura à capa e protege melhor a tela touchscreen. Ainda que não seja lavável, tem quebrado um galhão.

ca

Como o forro era um pouco maior, fiz o acabamento com uma dobra no exterior, onde pespontei à mão. Fecho a abertura passando uma tirinha por um botão:

capakindle

Minimalista e bastante funcional.

est2

Saquinhos: calçados e lavanderia

Não, eu não me canso de saquinhos!

Usando chita, filó e cordão acetinado, fiz vários a pedido para guardar sapatos:

DSC06372saquinhos

Sai um pouco mais caro do que aqueles de TNT, mas ficam mais vistosos e podem ser lavados. Detalhe do visor de filó:

DSC06378Pra adiantar o serviço, uni as bordas com o ponto cadeia na Ultralock:

DSC06380Aproveitei para arrematar a borda com uma bainha enrolada. Já na máquina reta, fiz uma costura dupla para embutir o cordão. O acabamento interno ficou assim, pra ninguém botar defeito:

DSC06382

Com retalhos de outros tecidos, fiz saquinhos para lavar roupa. Como assim?

Eu explico: para melhorar a durabilidade de peças delicadas, com rendas e aplicações deve-se proceder a lavagem à mão. Só que eu acho a vida curta demais pra gente passar na beirada do tanque, então coloco cada uma das minhas camisetas de chiffon, crepe, sutians e meias finas dentro de um saquinho e taco na máquina de lavar.

saquinhos lavanderia

Para esta finalidade, prefiro usar a costura francesa. Como as costuras ficam todas embutidas, não há risco de colchetes de sutians engancharem nas linhas e danificar o saquinho. Usei três ferramentas pra chegar no mecanismo de fechamento ideal: ilhoses, um alicate pra aplicar ilhós e ponteira reguladora:

ferramentas

Cada ponta do cordão sai pelo ilhós e entra num orifício da ponteira.

DSC06496

Quando ela está assim, o cordão fica fixo:

fixo

Quando pressionada, a ponteira permite a regulagem do cordão:

DSC06502

E é assim que o saquinho abre e fecha, sem precisar dar nó e sem risco do cordão voltar e se perder lá dentro.

Aceito encomendas!

Costuras para Viagem

A viagem da minha irmã foi a desculpa da vez para criar novas confecções.

Aquele short cortado de uma saia serviu de molde para costurar mais um. Juntos, foram passear na praia:

short

Improvisei uma mini etiqueta feita com o próprio tecido para sinalizar a parte de trás da peça. Assim ninguém se perde na hora de vestir:

etiq

Para agradecer a gentileza da hospedagem, improvisei duas lembrancinhas para presentear a anfitriã.

Um puxa-saco de retalhos, feito num vapt-vupt:

pxnivao

E um saquinho para guardar biquínis, com visor de plástico:

bqnivao

Imagina se fosse eu quem tivesse ido à praia…

Case para Notebook

Prestes a viajar, percebi que estava sem nenhum case para proteger meu notebook dentro da bagagem. Em vez de gastar mais dinheiro, resolvi fazer o meu com o que já tinha em casa: forrobel no recheio e tricolines em duas estampas, uma para o corpo e outra para a aba.

Ficou assim, com cantos arredondados e todo forrado por dentro:

case3

Aproveitei algumas tirinhas prontas, que fiz com retalhos, para fazer o fechamento da aba com botões:

case2

casedetalheComprei botões como esse na Cia dos Botões, loja virtual que fabrica e vende em diversos modelos e cores, com a possibilidade de personalização. Esse em tom de marrom, por exemplo, foi comprado na cor branca e tingido na cor que escolhi de acordo com a tabela Pantone.

DSC06230

Durante a compra, é preciso definir o tamanho dos botões. Para isso, a loja disponiliza uma régua virtual, para download em pdf. Quando a encomenda chegou, recebi uma régua também:

DSC06233Fiquei bastante satisfeita com os preços e o atendimento da loja, recomendo!

Organizando – Peças Íntimas

Pra manter a gaveta de peças íntimas mais organizada, inventei um cesto de meias. Assim todas elas ficam juntas num lugar só, e as meias finas ainda ficam protegidas, sem risco de puxar fio. Usei entretela pra estruturar e fiz o acabamento com botões e pespontos:

cestomeias

Aproveitando o mesmo tecido, decidi fazer saquinhos para guardar roupa de praia. Pra ficar bem literal, resolvi decorá-los com plástico, no formato de biquínis:

sacbiq

Assim dá pra ver o que foi colocado dentro, o que dá um efeito bonito:

sacbikcheio

Pra não desperdiçar os retalhos que sobraram dessas peças, resolvi aplicá-los sobre uma segunda estampa. Viraram saquinhos para guardar lingerie:

sacling600800

Além de protegerem peças delicadas, podem ser utilizados para guardá-las na mala de viagem. Decorei com sianinha em um e bordado inglês no outro:

detsacling

Saquinhos para todas as funções!

Organizando – Sapatos

As maravilhas que a costura nos proporciona: pensa que só dá pra trabalhar com pano? Plástico e TNT também! Foi usando esses dois materiais que fiz saquinhos como esse para guardar sapatos: saqsapatosO plástico é daqueles usados para forrar mesas, e custa pouco – paguei R$4,00/metro. O TNT é mais barato ainda (R$1,00/metro) e pode ser encontrado em várias cores.  O cordão pode ser daqueles acetinados, soutache ou mesmo fita de cetim. Costurá-los é muito fácil, pois como não desfiam nas bordas, não precisa chulear. Fiz um monte!

donsacsapatos

Viu como fica facinho de ver o que está lá dentro? Além de deixarem os sapatos protegidos da poeira, podem ser usados para levá-los na mala de viagem. Bom, bonito e barato!